Sam Worthington, de Avatar, explica como perdeu papel de James Bond

Capa da Publicação


Por

Ygor de Oliveira Ferreira

Sam Worthington, conhecido atualmente pelo seu papel como Jake Sully, o protagonista de Avatar, disse no podcast chamado de Fitzy & Wippa que fez audições para viver James Bond em Cassino Royale, filme que marca a estreia de Daniel Craig como o espião britânico. O ator comentou que sua tentativa para o papel foi tão horrível e contou alguns detalhes sobre o momento, além de falar sobre outras pessoas que estavam tentando o papel junto dele.

Worthington comentou que a audição envolvia uma cena em que ele tinha que vestir um smoking e atuar em um momento de Moscou contra 007, que era estrelado por Sean Connery. O ator disse:

“Então você [tinha que] caminhar, e havia uma mulher. Você tinha que seduzir ela… e eu não conseguia me livrar do bond assassino, eu não conseguia ter o charme, não conseguia seduzir. E a roupa não servia cara.”

O ator disse ainda que Mel Gibson e Sam Neill também tentaram o papel de James Bond em algum momento, e disse que a tentativa de sotaque britânico foi horrível, algo que ele também sofreu.

“Eu disse, ‘Se eu fizer um sotaque australiano seria o próximo George Lazenby’. Ele só fez um [filme] e eu não queria isso. Então tentei um sotaque, foi horrível. Eu falava igual o Dick Van Dyke em Mary Poppins. Eu lembro do [diretor] Martin dizendo ‘Só faça sua voz normal. Tá tudo bem cara.’”

Sam Worthington perdeu o papel de James Bond para Daniel Craig

Alguns anos depois do seu fracasso em Cassino Royale, Worthington conseguiu entrar para o primeiro Avatar de 2009, que se mantém sendo a maior bilheteria no cinema e teve seu segundo filme lançado em dezembro de 2023. Em Caminho da Água, Jake Sully, agora com uma família formada como Neytiri, precisa viajar até outra tribo de Na’Vi para fugir de um antigo inimigo que retornou colocando em perigo seus filhos e aliados.

Confira também:

Fonte: Legião dos Heróis – Observatório do Cinema – Legado da Marvel – Legado da DC – O Vício

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *