Quebra de armários, vândalo com toga e golpista com réplica da Constituição: vídeos do ataque ao STF

Imagens inéditas foram divulgadas pela Suprema Corte nesta quarta-feira (25). Vídeos também mostram recuo da Polícia Militar que facilitou o acesso de invasores à sede do Poder Judiciário. Os vídeos inéditos divulgados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) mostram vândalos bolsonaristas quebrando armários de ministros da Corte, um vândalo com uma toga utilizada pelos magistrados e outro golpista segurando uma réplica da Constituição Federal de 1988.
As imagens foram divulgadas pela Suprema Corte nesta quarta-feira (25) à imprensa.
Logo após os atos de 8 de janeiro, os materiais também foram compartilhados com a Polícia Federal e estão sendo utilizados pelos investigadores na identificação dos bolsonaristas radicais que vandalizaram as sedes dos Três Poderes na capital federal.
As gravações também mostram um recuo da Polícia Militar, que estava fazendo a contenção dos golpistas na altura do Congresso Nacional. Essa movimento facilitou o acesso dos radicais ao prédio do Supremo Tribunal Federal.
Especialistas em segurança ouvidos pela TV Globo avaliam que houve uma falha de atuação por parte da Polícia Militar do DF.
O g1 perguntou à PMDF o motivo do recuo, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: