PDT declara apoio a Rodrigo Pacheco na disputa pela presidência do Senado


Atual presidente, tentará mais dois anos à frente da Casa Legislativa. Pacheco deve enfrentar Rogério Marinho (PL) e Eduardo Girão (Pode-CE) na disputa marcada para o dia 1º de fevereiro. Rodrigo Pacheco (PSD-MG), presidente do Senado, concede entrevista em frente a espelhos destruídos por golpistas
Beatriz Borges/g1
O Partido Democrático Trabalhista (PDT) anunciou nesta segunda-feira (23) apoio à reeleição de Rodrigo Pacheco (PSD-MG) como presidente do Senado.
A eleição da Mesa Diretora da Casa está marcada para 1° de fevereiro. Além de Pacheco, o senador eleito Rogério Marinho (PL-RN) e Eduardo Girão (Pode-CE) devem participar da disputa.
O PDT terá três senadores na próxima legislatura. O PSD, sigla do presidente do Senado, será a segunda maior bancada, com 12 representantes.
A bancada do PT, que também apoia Pacheco, será formada por nove parlamentares, considerando os titulares do mandato.
O líder do governo no Congresso, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), já disse que a gestão petista vai trabalhar para reeleger o senador mineiro.
O PL, do presidente Jair Bolsoanro, será a maior bancada a partir de fevereiro, com 15 integrantes.
O PL espera ter o apoio de PP (6 senadores) e Republicanos (3) à candidatura de Rogério Marinho.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: