Ministério da Justiça anuncia força-tarefa para agilizar análise de pedidos de refúgio de afrodescendentes | Política

“Por mais que o Brasil seja um país de referência [nas políticas migratórias], o nosso passado tratando de pessoas afrodescendentes nem sempre foi positivo. Estabelecemos uma política migratória que fechou as portas para os afrodescendentes. Esse legado, que faz mais de um século, persistiu em gestões anteriores”, disse a presidente do Conare.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: