Haddad afirma que linha de crédito a importador argentino não vai envolver riscos para bancos

Nova linha foi anunciada nesta segunda, após reunião entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente da Argentina, Alberto Fernández, em Buenos Aires. O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou nesta segunda-feira (23) que a nova linha de crédito destinada aos importadores argentinos que comprarem produtos brasileiros não vai envolver riscos para os bancos.
A nova linha foi anunciada nesta segunda, após reunião entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente da Argentina, Alberto Fernández, em Buenos Aires.
O objetivo, segundo o governo brasileiro, é aumentar as exportações do Brasil para a Argentina.
Segundo Haddad, não haverá risco para os bancos brasileiros que oferecerem a nova linha porque a operação terá a garantia do Fundo de Garantia à Exportação (FGE), com lastro em garantias reais, como commodities.
“Nós vamos dar um fundo garantidor, que é um fundo soberano, que vai garantir as cartas de crédito para o exportador brasileiro”, disse Haddad.
Os detalhes da nova linha devem ser fechados em fevereiro, segundo o ministro da Economia da Argentina, Sergio Massa.
Reuniões entre a equipe econômica dos dois países e também entre os bancos centrais serão feitas no próximo mês.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: