Governo anuncia mudanças para reduzir necessidade das provas de vida presenciais de aposentados e pensionistas | Jornal Nacional

Vai funcionar assim, de acordo com o INSS: uma pessoa toma uma vacina contra a gripe num posto de saúde, e ao receber essa informação, o INSS tem o indicativo de vida do beneficiário, que servirá para compor um “pacote de informações” registradas ao longo do ano. Quando o total de ações ao longo do ano registradas nas bases de dados parceiras for suficiente, o sistema considerará a prova de vida realizada, garantindo a manutenção do benefício até o próximo ciclo.

Fonte: G1 – CNN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: