As principais mudanças que a série da HBO Max fez nos personagens de Scooby-Doo

Capa da Publicação

Velma está longe de ser uma das versões favoritas da gangue do Scooby-Doo. Com novos mistérios e personagens, a série da HBO Max criada por Mindy Kaling e Charlie Grandy dividiu o público e muito disso se deve às suas mudanças. Aqui, separamos tudo o que você precisa notar de diferente na nova animação.

Sem dogue alemão ou Mistérios S/A (ainda)

Velma promete contar o início da Mistérios S/A pela sua perspectiva

Mas, antes de entrarmos nos pormenores da Mistérios S/A, o mais importante é compreender que Velma se trata de uma prequela para a história da gangue do Scooby-Doo. Desta forma, apelidos icônicos ainda não surgiram, alguns personagens se mostraram mais inimigos do que amigos e, o mais importante, não temos um dogue alemão falante.

A grande mudança da série é a ausência de Scooby-Doo. O personagem que é título da franquia não foi incluído na história, pois, de acordo com os criadores da produção, queriam se afastar do teor “infantil” das animações do dogue.

Novas histórias de origem

Animação traz novas histórias de origem

Porém, isso não significou que os personagens em Velma não possuam um interesse por resolver mistérios. Daphne, por exemplo, deixou a família conservadora das séries originais do Scooby-Doo e foi adotada por duas mães detetives. Além disso, a personagem parece ter um talento inato para ir contra a lei e fazer coisas em segredo.

Já Velma, personagem título, tem um grande interesse em mistérios e muito disso vem de sua mãe, Diya. Primeiramente, pela mesma ser uma escritora de livros de suspense e assassinato; em segundo lugar, por ela ter desaparecido quando Velma ainda era criança.

A família de Velma

Ao invés de trabalharem em um museu, os pais de Velma se tornaram uma escritora e um advogado

E é o desaparecimento de Diya que cria diversas bifurcações na vida de Velma. Uma delas é a estrutura familiar da garota. Nas animações originais, os pais de Velma são dois donos de museu chamados Dale e Angie Dinkley.

Aqui, Diya não conserva a história, mas cria as suas próprias, enquanto o pai de Velma, Aman Dinkley, é advogado. A partida da mãe da garota ainda deixa um espaço em aberto em sua vida, trazendo outro nome para a equação: Sophie, dona da lanchonete local que está grávida de Aman

As crises de pânico de Velma

Nessa versão, Velma precisa lidar com constantes crises de pânico

Com essa revelação, entendemos um dos principais enredos da animação: as alucinações de Velma. Desde que sua mãe, Diya, desapareceu misteriosamente, Velma tem tido terríveis alucinações quando se vê tentando desvendar algo.

Isso se deve por Diya ter saído de casa com o propósito de comprar um novo presente de Natal após a garota descobrir quais ela havia comprado. Sua mente infantil, então, correlacionou o desaparecimento da mãe com suas constantes tentativas em desvendar mistérios. Por isso, quando se encontra em uma situação similar, Velma passa por uma terrível crise de pânico. 

A amizade de Velma e Daphne

Daphne e Velma se beijam ao fim do segundo episódio

Para ajudá-la com isso, Velma parece ter uma rede de apoio ao seu redor. Além de Aman e Sophie, Velma revive uma amizade com Daphne. Diferente de Norville, ou Salsicha, e Fred, a amizade das duas remonta à infância das garotas.

Outra característica que foi uma novidade para as duas investigadoras é que nesse universo, ambas são bissexuais. Além do beijo compartilhado por Daphne e Velma no final do segundo episódio, ambas demonstraram algum interesse por Fred. 

Salsicha é empreendedor e está na luta antidrogas 

Além de ter uma postura antidrogas, Norville é produtor de conteúdo

Mas, o círculo de amizades de Velma não se contenta apenas com Daphne. Outro personagem importante é Salsicha, aqui conhecido como Norville. Além de ser representado como um homem negro, a maior diferença do personagem é não usar o seu famoso apelido.

Sendo chamado pelo nome de batismo, Norville Rogers, é possível que a primeira temporada de Velma aborde de onde surgiu o nome “Salsicha”. Outra característica interessante que diverge do original é como Norville parece estar em uma luta ativa contra as drogas.

Nesta postura, existe uma certa ironia, uma vez que James Gunn em Scooby-Doo! (2002) e diversos outros criadores deste universo já fizeram referências a possibilidade de Salsicha fumar maconha. Afastado das drogas, Norville ainda parece ser um empreendedor. Ele faz reviews de salgadinhos em lives e é editor do jornal da Escola de Crystal Cove

Fred é o herdeiro de uma mega corporação

Os pais de Fred são donos de uma grande marca de moda

Quem mais está no ramo empreendedor é a família de Fred Jones. O rapaz é herdeiro de um império fashion comandado por Victoria e William Jones. Na série original, os pais de Fred estavam longe de comandarem uma marca na indústria de moda. Pelo contrário, em uma das animações, eles eram Judy e Brad, donos da Mistério S/A original e idealizadores do programa de TV baseado na aventura deles, Sternum e Strenum.

Em Velma, a empresa de Victoria e William possui uma função narrativa clara: mostrar o porquê de Fred ter pouca autonomia sobre sua vida e ser caracterizado como um personagem “burro” e “infantil”. Mesmo que essas características possam parecer fora de tom para o líder da Mistérios S/A, a verdade é que essa não é uma abordagem nova. Nos filmes de Gunn, por exemplo, mesmo mostrado como proativo e engenhoso, Fred era o “cabeça oca” do grupo.

Uma mudança mais “diversa”

Diversidade é uma das mudanças mais palpáveis da produção

Entre todos os personagens da equipe, Fred é o que parece ter mudado menos em termos de físico e personalidade. Enquanto Velma se tornou uma versão de Mindy Kaling, tanto em etnia quanto na forma de se expressar, Daphne é uma mulher asiática nessa nova versão.

Já Norville, como foi dito anteriormente, é um homem negro. Todas essas novas características parecem tirar os personagens e o público da zona de conforto.

Mesmo com diversos erros apontados pela mídia, Velma se destaca em tentar modernizar e atualizar arquétipos que não funcionam tão bem nos dias de hoje. 

Aproveite e continue lendo:

Fonte: Legião dos Heróis – Observatório do Cinema – Legado da Marvel – Legado da DC – O Vício

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: